quinta-feira, 25 de agosto de 2011

atitudes


O amor é uma das  respostas a uma existência plena,
Não é um objecto, nem algo que se roube, nem que se compre
É um estado interior de profunda sensibilidade face  a vida.
É um flash, é uma alegria contínua!
 É sempre aquela ofuscante luz de embalo,
Que Quando morrer a mente, para os preconceitos enganadores
E as mentiras omitidas na barra da consciência de cada um
Deixa-nos fortalecidos a viver, e ver que o que se faz pelo amor nada é imoral!
Amar, querer, e vencer…
Dar a vida pelo que se ama, até ao fim do final!

É a atitude do herói que ama sem limite…
Por toda a sofreguidão, combate e sobrevive…
Até ao fim das forças que o teimam em libertar,
Num tom aflito…
Mas não desiste…
Quer ir até ao fim da força das atitudes, que solene defende…
Numa exausta procura de amar… que o mantêm crente.

Fim.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Partilha comigo a tua teoria.